novembro 11, 2015

Desejo Proibido.

Autora: Sophie Jackson
Editora: Arqueiro
Páginas: 416
Gênero: New Adult
Tradução: Thalita Uba
Avaliação:

           Skoob | Saraiva | Submarino | Extra
  
   Mais um New Adult que consegue conquistar meu coração! Esse com certeza é o gênero que faz a minha alegria; com um conflito diferente do que costumo encontrar no gênero, Desejo Proibido foi uma leitura gostosa e muito viciante, adoro leituras rápidas e que fluem bem e este livro me proporcionou exatamente isso.
 Desejo Proibido narra a história de Katherine Lane e Carter, ela é uma mulher que nasceu com todos os privilégios, filha e neta de políticos Kat enfrentou a todos para seguir o caminho que escolheu para si mesma. Formada em Literatura dá aulas em uma penitenciária, e isso é a causa de sua relação conflituosa com a mãe.
 Carter é um detento muito inteligente e o que tem de bonito tem de estressado e pavio curto. Ele não dá a minima para nada e nenhum ninguém, seu único desejo é conseguir a condicional, mas quando ele é obrigado a frequentar as aulas de Kate ele se depara com uma mulher capaz de enfurecê-lo e ao mesmo tempo despertar seu desejo. 

  A atração entre os dois é latente, mas os conflitos e barreiras entre eles são muitos e as consequências desse envolvimento transformará a vida dos dois. 
[...] - Eu quero você - murmurou ele no ouvido de kat, antes de lhe dar mais um beijo atrás da orelha. - Meu Deus, não me importo que seja contra as regras. Quero você." pág. 177

  Adoro esses New Adults com personagens marcantes e intensos! Desejo Proibido me deixou grudada nas páginas e ansiosa por cada novo acontecimento. Sophie Jackson construiu uma história bastante romântica sem deixar de lado os conflitos que tornam uma trama interessante e completa; ela consegue fazer o leitor refletir e é inevitável que você tente se imaginar na pele dos personagens e o que faria se estivesse no lugar deles. 
  Aqui temos um detento e uma professora que sentem uma atração forte no primeiro olhar. No inicio a raiva e o ódio falam mais alto, mas ao longo do tempo Carter começa a conhecer melhor a Kat e é esse processo de descoberta que mais me encantou nesses dois personagens; o sentimento deles vai contra todas as regras e nesse contexto há o preconceito, a ética profissional e a hierarquia social. 
  Carter sempre foi uma pessoa difícil, ele é agressivo e usa toda a raiva como uma forma de defesa; sua história de vida faz com que ele tenha dificuldades em confiar e se relacionar com as pessoas. Impossível não torcer pelo casal e a autora deixa o leitor no maior suspense sobre o que vai acontecer a seguir, confesso que fiquei angustiada em alguns momentos.
 A narrativa é desenvolvida em terceira pessoa e o foco muda entre os dois protagonistas. Temos uma visão ampla das situações, das emoções e sentimentos de Carter e Kat. 
   A leitura é muito rápida e fluida, Sophie Jackson tem uma escrita envolvente e viciante que arrebata o leitor do inicio ao fim; eu não consegui largar o livro até saber como terminava. 
 [...] Você é tudo para mim, Pêssegos. Sempre foi. Sempre. Você é a melhor coisa que já aconteceu na minha vida. - Ele a beijou. - Você é meu tudo. pág. 313

  A Arqueiro sempre capricha nos livros, a capa está bonita, a diagramação é simples, mas ótima as letras  estão em bom tamanho, páginas amarelas e os capítulos bem distribuídos. 
  O final é muito amor! Fiquei louca por uma continuação e pelo que andei pesquisando temos mais um livro do Carter e da Kat além de outro livro sobre o Max, um amigo do Carter que aparece em Desejo Proibido e consegue deixar o leitor bem curioso.  
  Está é uma leitura para quem gosta de histórias de amor atreladas a um pouco de drama, e para quem gosta do gênero. Desejo Proibido me fez refletir, suspirar e me emocionar. Com certeza quero conhecer todas as histórias da Sophie Jackson
[...] eu estava todo despedaçado quando você me encontrou [...]. Você me reconstruiu e me fez perceber que os erros que cometi não definem quem sou. Acreditou em mim quando ninguém mais acreditava. [...]" pág. 410

Um comentário:

  1. Amiga confesso que gosto do estilo, mas depois da decepção parcial que tive com Pulsação estou "com o pé atrás" com o estilo. Acabei de ler A Primeira Chance da Abbi Glines e apesar de ter gostado, esperava bem mais. Ainda não consegui organizar minhas idéias para escrever a resenha (vou tentar mais tarde).
    Enfim essa é a segunda resenha que leio desse livro e confesso que se Kat fosse minha filha também ficaria preocupada, afinal quem deseja se relacionar com presidiário!!!??? (Não sei como são os presídios desse livro, mas os daqui do Brasil são vergonhosos e ninguém sai melhor de lá. Enfim esse assunto fica para uma próxima).
    Apesar dessa polêmica sobre presidiários ... Não tenho dúvida que deve ser uma ótima leitura e esse sentimento entre os personagens deve ser intenso e empolgante. Quem sabe eu leia o livro em algum momento para formular minha opinião, mas não é uma prioridade agora. Gostei de saber suas impressões e fico feliz que tenha gostado. Beijos amiga!!!

    Ótimo domingo!!!
    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. Voltar ao Topo