24/10/2012

Ladrão de Almas.



          Cada dia que passa eu fico mais impressionada com a qualidade das capas dos livros que ando lendo, e esse é um dos que mais me encantaram. É muito linda e dá gosto ler um livro com uma capa tão bela assim.
       Mas, como não é pela capa que se define um bom livro vamos ao que realmente interessa que é a história. 
       Em Ladrão de Almas nós mergulhamos no mundo sobrenatural de Lanore Mcllvrae, uma mulher misteriosa suspeita de assassinato que dá entrada no hospital onde o Dr. Luke Findley trabalha, depois de ser encontrada vagando sem rumo pela cidade.
      Ela logo desperta a curiosidade e o interesse do médico, que fica intrigado por aquela moça tão jovem e com feições delicadas ser uma prisioneira acusada de um crime.
     A história dos dois começa exatamente ali; na sala de emergência do pronto-socorro quando o médico começa a conhecer fragmentos do segredo da prisioneira.
     Lanny então começa a lhe narrar a história de sua assombrosa e longa existência, deixando Luke abismado; com isso, ela tenta convencê-lo a ajudá-la fugir. E é exatamente o que ele faz, Luke ajuda Lanny a escapar das autoridades e segue com ela, deixando para trás sua vida deprimente em St. Andrew.
    E durante todo o percurso, Lanny revela seu passado tenebroso a ele contando-lhe como se apaixonou pelo belo Jonathan St. Andrew, filho do fundador da cidade onde cresceu; e como esse amor obsessivo a levou para caminhos perigosos que a conduziram diretamente para as garras do maligno Adair.
     Adair é um homem envolvente, mas que esconde segredos capazes de destruir aqueles que se arriscam a desvendá-los. Ele é frio, cruel, violento e capaz de fazer o que for necessário para realizar seus planos.
    Assim, Lanny relata a história de seu amor imortal declarando e assumindo tudo o que ela foi capaz de fazer em nome desse sentimento.

 Ele não voltará para St. Andrew, pelo menos não agora; irá segui-la, como poderia ir embora? A necessidade que ela tem dele é como um gancho plantado em seu peito, puxando-o sem o menor esforço, e ele não consegue resistir. Ele está pulando de um penhasco para dentro de águas escuras, não pode ver o que o espera lá embaixo, mas sabe que não há força no mundo que possa impedi-lo..."   Pág.222
 Ladrão de Almas é um livro intenso e por vezes perturbador, que faz o leitor conter o fôlego e ficar com os olhos presos nas páginas. Os personagens nos despertam os mais diferentes sentimentos como, raiva, angústia e pena.
  O amor que Lanore dedica a Jonathan é tão forte que chega a ser sufocante, é um amor que tudo perdoa e isso muitas vezes me deixou morrendo de raiva da Lanny por ela rastejar tanto por Jonathan. 
   Adair é um vilão que dá calafrios; ele é perverso e as cenas que descrevem seus momentos de maldade são chocantes, há muito tempo não me deparo com um vilão tão impactante. 
   Narrado em primeira pessoa nas partes em que Lanore faz o seu relato, e em terceira pessoa nos momentos do presente compartilhados com Luke. Apesar de o livro conter 432 páginas a leitura é bem rápida e o leitor fica tão envolvido na narrativa que quando se dá conta já está nas últimas páginas.
   A linguagem da autora é de fácil compreensão, o que faz com que a leitura seja agradável. A diagramação do livro é simples, a letras tem uma boa fonte que facilita a leitura e mesmo encontrando alguns erros de revisão o livro entrou para a minha lista de preferidos, e já estou super ansiosa pela continuação da série, pois tenho certeza que Lanny ainda tem muitos segredos a revelar. 

                           
  

4 comentários:

  1. Oi Rafa, como vai?
    Desculpa a demora para vir comentar no seu blog, tive uma semana cheíssima!
    Também fiquei com raiva do grude da Lanny com o Jonathan, mas pela descrição da autora ele não pode ser menos que um deus grego! Mesmo o Adair sendo perverso assim eu gostei dele (acho que fui a única mas é verdade haha).
    Também quero ler a continuação logo. Parabéns pela resenha!

    Beijos,
    nathlambert.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho vontade de ler esse livro. Quando o povo andava divulgado os lançamentos da NC, esse era o unico que me interessava, e pela resenha vi que nao estava errada.
    Gosto de livros faceis de serem lidos, pq como leio muito, se eu paro pra ler um livro muito dificil fico empacada pq a leitura nao flui. ahahaha

    Adorei a resenha! Parabens

    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

    ResponderExcluir
  3. Essa foi a primeira resenha que li sobre esse livro e confesso que ainda não estava sabendo muito sobre ele, apesar de ter uma capa linda confesso que estou evitando livros com conteúdos perturbadores e tensos, sei lá estou numa fase mais leve =) além disso ao saber que faz parte de uma série prefiro não ler ele por enquanto mas você está de parabéns pq sua resenha ficou ótima. Bjão querida!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi Rafa! Estou na mesma situação da Aline, fugindo de séries e leituras tensas, não vou dizer que não quero ler este aqui, mas vou esperar um pouco.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir

O seu comentário é muito importante para mim, por isso não economize palavras; adoro saber sua opinião! Caso tenha um blog deixe o link para que eu possa retribuir seu comentário. :D
Beijos da Rafa!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Criado por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. Voltar ao Topo