POR DENTRO DAS NOVIDADES!

      Ei galera!
         Hoje vim mostrar a vocês os lançamentos literários do mês da editora LeYa/Lua de Papel. Alguns me deixaram muito curiosa e louca para ler; adoro quando sai os lançamentos pois começo logo a selecionar os livros que entrarão para a minha lista de compras; que Meus Deus! ela só cresce, já estou me perdendo nela, são tantas opções que eu fico perdida sem saber qual comprar e querendo ao mesmo tempo, lavar todos para casa. Deixando de lado as confissões de uma compradora compulsiva vamos aos desejados de hoje:


  O Escolhido - Hannah Howell

Páginas: 192
Gênero: Romance

 Um homem nu aparece no roseiral da família de Lorelei Sundun. Ao contrário de gritos ou pedidos de socorro, algo que se esperava da maioria das mulheres de sua época, Lorelei oferece ajuda, pois percebe o embaraço do rapaz, que não sabia onde estava. Ela nunca ouvira falar da família de Argus Wherlocke, nem sobre os dons paranormais comuns entre os membros desta família. Porém, arrebatada por uma súbita paixão e munida de coragem, ela logo se arrisca para ajudá-lo num jogo perigoso de perseguições. Argus logo descobre que Lorelei é sua única esperança de salvação, e que seu desejo pode ser a mais importante arma para combater seus inimigos. 


 O Encontro - Richard Paul Evans


Páginas: 240
Gênero: Romance


Alan Christoffersen é um jovem publicitário bem-sucedido, comanda sua própria empresa, ao lado do sócio, e é loucamente apaixonado por sua esposa, McKale. Sua vida parece perfeita até que ocorre um terrível acidente enquanto ela montava à cavalo. Alan larga tudo para acompanhar o tratamento da esposa, momento em que Kyle, seu sócio, aproveita para roubar todo o dinheiro da empresa. Então McKale morre. Arrasado, sem a mulher que amava e traído pelo sócio ele se vê sufocado naquele lugar. Então sai de casa sem rumo, com uma mochila nas costas, e inicia uma longa caminhada em direção ao sul. Era uma busca por respostas e um tempo para tentar pensar o que fazer. Durante o caminho ele faz descobertas impressionantes sobre seus sentimentos, conhece pessoas incríveis e vislumbra novamente um sentido para a sua vida. Ele encontra dentro dele algo que jamais lhe poderia ser tirado novamente.


 A última madrugada -  João Paulo Cuenca

Páginas: 240
Gênero: Crônicas/Literatura nacional

Considerado um dos jovens autores mais destacados da América Latina, João Paulo Cuenca presenteia os leitores com uma reunião de suas melhores crônicas, publicadas em jornais entre 2003 e 2010. Nelas, Cuenca narra fatos reais ou não, descreve pessoas, situações corriqueiras ou espetaculares e revela, entre uma linha e outra, pensamentos e crenças que moldaram sua visão de mundo. Em A Última Madrugada o leitor descobre, entre outras histórias, o drama de um garoto que não quer perder seus pensamentos e por isso teme morrer, um carnaval sem cores de alegria, os conselhos que Stendhal daria a um artilheiro do Flamengo, ou toda a emoção que um simples corte de cabelo pode carregar. A última crônica dá nome ao livro. Com a sensibilidade típica de seus textos, Cuenca retrata com olhar surpreso, as maravilhas do cotidiano rotineiro que acabamos não enxergando com o passar do tempo.




Almanaque das Drogas - Tarso Araújo

Páginas: 384
Gênero: Almanaque

Segundo o Aurélio, a palavra droga significa "qualquer substância capaz de alterar o funcionamento normal de um organismo". Se pararmos para pensar, o café faz isso, aquele santo remedinho para dor de cabeça também, além de outras substâncias tão comuns no uso diário e que não são chamadas de drogas. Para muitos o sinônimo de droga é qualquer substância que "dê barato".
Já o taxativo narcótico - usado principalmente pelas autoridades - vem do grego narkotikos, que significa aquilo que adormece. Por outro lado algumas drogas aceleram o organismo.
  Afinal de contas, o que pode ser considerado droga?
  O jornalista Tarso Araújo reflete sobre o assunto e explica tudo: da classificação das substâncias entorpecentes até a organização de uma boca de fumo, dos efeitos físicos no usuário à sua relação econômica com a corrupção e o crime organizado.
   Almanaque das drogas é uma enciclopédia enxuta e ricamente ilustrada que vai responder todas as dúvidas sobre o assunto. 

           Eu não consigo resistir a um livrinho! ;) Eu gostei de todos, e vocês quais vão querer?




Promoção: Caixa surpresa Novo Conceito.


        Olá leitores!
        
         Hoje vim trazer uma promoção bem legal para vocês, já não era sem tempo né? E depois desse tempo sem nada por aqui resolvi trazer o Comentarista Premiado em um novo formato.
         As regras seguem sendo as mesmas, a diferença é que agora vocês poderão escolher o prêmio que desejam ganhar; aquele que comentar mais vezes nas postagens entre 26/05 a 29/06 receberá um e-mail com uma lista de alguns livros da Novo Conceito em que poderá escolher qual deseja receber. 
     E aí gostaram desse novo formato? Espero que sim!  
     Então vamos às regras:



  •        Regras:

  
  * Precisa ser seguidor do blog
  * Fazer comentários pertinentes às postagens
  * Só vale um comentário por postagem
  * Ter endereço de entrega no Brasil
  * Preencher o formulário para contato AQUI


  •    O Prêmio:


    * Será de escolha do vencedor dentre alguns títulos da editora Novo Conceito.
   * O vencedor será aquele que comentar mais vezes no período de 26/05 a 29/06.



  •    O envio do Prêmio: 


   O vencedor receberá um e-mail e terá 3 dias para respondê-lo com seus dados e o nome do livro que deseja receber. Caso o ganhador não se pronuncie nesse prazo, o prêmio será do segundo colocado.


  •     Critério de desempate:



    Como não terá sorteio e o prêmio será de quem comentar mais vezes pode ser que haja empate. Por isso em caso de empate o vencedor será aquele que comentou primeiro.




         Boa sorte a todos!




          

UMA DUAS.

        Autora: Eliane Brum
     Editora: LeYa
     Páginas: 175
 
          Umas Duas é o romance de estréia da jornalista Eliane Brum, neste livro ela narra a relação conturbada entre Laura e Maria Lúcia, que são mãe e filha e vivem divididas entre o amor e o ódio.
          Laura é uma jornalista que vive atormentada por mágoas e ressentimentos de uma vida inteira, ela optou por não ter nenhum tipo de contato com a mãe que considera um monstro.
         Para Laura, Maria Lúcia é a culpada por seu pai ter abandonado a família deixando-a à mercê daquela mulher "perversa". Entretanto, chega um momento em que Laura se vê obrigada a fazer o que menos deseja que é reaproximar-se de Maria Lúcia, que se encontra em um estado deplorável de abandono e com total incapacidade de se cuidar sozinha.
         Depois de ser levada ao hospital ela é diagnosticada com câncer e Laura não tem outra alternativa a não ser deixar o emprego para cuidar da mãe.
         Em Uma Duas a autora nos faz mergulhar na história intrigante de duas mulheres que deveriam amar-se incondicionalmente, mas que demonstram um rancor que por diversas vezes as personagens tentam convencer o leitor de que se trata de puro ódio.
        O livro é narrado em primeira pessoa por Laura, mas em determinado momento da narrativa Maria Lúcia se faz presente para contar a sua versão da história, e é ai que o leitor começa a juntar as peças do quebra-cabeças que levará a entender os conflitos psicológicos e comportamentos perturbadores de Laura como por exemplo a automutilação; e também os mistérios que envolvem aquela família.
       Um fato curioso desse livro é que os diálogos não são demarcados com travessões como normalmente estamos acostumados, o texto é corrido em forma de discurso indireto fazendo com que o leitor fique mais atento à fala dos personagens.
       O estilo de escrita da autora é bem diferente do que eu estou acostumada a ler e no início eu senti um certo desconforto, mas logo a história conseguiu me envolver e a forma como a autora foi soltando aos poucos as peças do enigma, fez com que eu ficasse ávida por entender e desvendar as personalidades perturbadas e desnorteadas de Laura e sua mãe.
      Não encontrei erros de revisão no livro, mas a cor em que as letras foram impressas(um laranja próximo ao vermelho fraco) dificultou muito a minha leitura já que tenho o costume de ler à noite. A diagramação é simples e o livro tem um formato médio.
      Uma Duas é um retrato pertinente sobre uma das mais difíceis relações humanas e a montanha russa de sentimentos e emoções variadas que envolve a ligação entre mãe e filha. É uma leitura forte e impactante que nos leva para as profundezas de duas mentes traumatizadas e doentias e que apesar de tentar serem diferentes uma da outra acabam sendo mais parecidas do que podem imaginar.

  Meu coração batia no estômago desde que meu pai me abandonara. Batia com ódio. Em seguida disparava de arrempedimento. Meu pai tinha sido derrotado primeiro, mas a culpa era mais minha..."
                                                   Pág. 55          
                







    

NA MINHA ESTANTE!


     Ei Pessoal!
   Hoje vim mostrar a vocês tudo que chegou para mim nas últimas semanas, fiquei encantada com tudo que recebi, os livros são incríveis e estou super curiosa para conhecer as histórias.
    Ainda estou tentando voltar ao meu ritmo normal de leitura que tem andado um pouco lento, mas essa semana espero conseguir agilizar minhas leituras. 
     Enquanto isso vamos ao Na minha estante de hoje com os super kits da editora Novo Conceito:



  •     Beijada por um anjo3 e Beijada por um anjo4





 Esses foram os primeiros que chegaram e recebi de uma solicitação que fiz à editora Novo Conceito. Eu já tinha comprado os dois primeiros livros da série e havia recebido recentemente Beijada por um anjo 5, faltava esses dois; e a minha solicitação foi atendida e eu gostaria de agradecer a editora pela atenção e carinho com os blogueiros. E em breve terá surpresas aqui no blog sobre a série Beijada por um anjo.


   

  •                A casa das Orquídeas.

      
     Eu achei a capa desse livro muito linda e o kit é super criativo vêm com um vaso ecológico e um marcador muito fofo.     
     










  •         O Sonho de Eva.









O Kit do livro O Sonho de Eva, que vêm com uma máscara de dormir e um marcador. Eu adorei a caixa personalizada, a arte é linda.











  •           A arte da Imperfeição.



        Esse kit vem com o livro, um marcador e quadro branco que eu adorei dá para escrever mensagens.






  •            Viva para Contar.







Kit de Viva para Contar, vem com um marcador e uma espécie de quebra-cabeças que vira um porta-trecos. 












     


      E essa é minha pilha! Que ainda vai crescer bastante com as compras que pretendo fazer ainda esse mês ;)
  
  • Fazem parte da minha estante agra:

  
 * A arte da imperfeição.
 * O sonho de eva
 * A casa das orquídeas
 * Viva para contar
 * Beijada por um anjo 3
 * Beijada por um anjo 4


                     
                            
  
          

AUDÁCIA.

    Autora: Candace Camp
    Editora: Harlequin Books
    Páginas: 315
    Coleção: Rainhas do Romance Histórico
                  


               Angela Stanhope sempre foi uma garota alegre de espírito livre e cheia de energia, neta do conde de Bridbury o patriarca dos Stanhope que comanda a família com mãos de ferro e segui a risca as convenções, regras e preconceitos sociais. Angela viveu a infância rodeada de adultos e sem nenhuma companhia para compartilhar suas aventuras de criança, até que Cameron Monroe chegou para trabalhar para sua família como cavalariço nas estrebarias; logo eles se apaixonam e tornam-se inseparáveis.
             Entretanto o conde de Bridbury precisava que Angela fizesse um casamento vantajoso devido aos problemas financeiros da família Stanhope, e quando ele descobre o romance de sua neta com o cavalariço fica completamente furioso e obrigada Angela então com dezesseis anos de idade a casar com Lorde Dunstan um rapaz que está decidido a casar com ela.
          Depois de seu avô agredir Cam e expulsá-lo de suas terras, o velho recorre a chantagem para obrigar a neta a aceitar o casamento e Angela não tem saída a não ser concordar com a imposição do avô.
           Treze anos depois a vida de Angela não é nada do que ela imaginava que seria e os sonhos que um dia ela teve ficaram completamente enterrados no passado. Ela tornou-se uma mulher devastada pelo sofrimento e totalmente  infeliz, agora divorciada ela tenta juntar o que sobrou de si mesma.
          E a vida ainda lhe reserva grandes surpresas; Cameron Monroe está de volta à Inglaterra e decido a vingar-se da família Stanhope que tanto o humilhou e da mulher a quem amou e que o trocou por dinheiro. E ele não pensa em medir esforços para conseguir o que deseja.
           Agora que se tornou um milionário e que possui as dívidas dos Stanhope em suas mãos, Cam decide exigir aquilo que lhe foi negado a treze anos e que ele jurou que teria um dia... Angela como sua esposa.
         E mais uma vez Angela se vê obrigada a casar para salvar a família da ruína, entretanto só a simples ideia de casar novamente lhe dá arrepios e Cam já não é mais o rapaz por quem ela se apaixonou um dia. E Angela esconde segredos sombrios e tenebrosos que podem destruir qualquer futuro vislumbrado ao lado de Cam.


... Minha resposta é a mesma do outro dia. Não vou me casar com você.  - É mesmo? Achei que você fosse uma mulher com um pouco mais de bom senso.  - Bom senso? É assim que chama ceder à coerção? Conheço outras pessoas que chamariam de covardia.  - O bom senso de se casar onde haja dinheiro. Olhe para isso de forma lógica. Você está arriscada a viver na pobreza. Se casar comigo, vai viver no luxo. Você já se casou antes por dinheiro. Por que recusar agora?"                     Pág. 44   
      Esse é apenas o segundo livro que leio da Candance Camp, o primeiro não me agradou tanto, mas com este ela conseguiu me impressionar. Audácia é absolutamente incrível, a história é instigante e o clima de mistério que envolve a Angela estimula a nossa curiosidade, quando o segredo é revelado a autora consegui deixar o leitor estarrecido.
      Candace Camp criou um romance ousado com uma história forte e chocante, todo o sofrimento passado por Angela é impactante e as cicatrizes que ela carrega conseguem emocionar e despertar raiva ao mesmo tempo.
      Cam é o típico garoto pobre que se apaixona pela moça rica, é humilhado pela família dela e depois de ficar incrivelmente rico volta para vingar-se, mas ele é um personagem de fundamental importância no momento em que Angela precisa enfrentar os fantasmas do passado.
       Audácia é um romance histórico, com uma linguagem típica desse estilo de narrativa não encontrei erros de revisão, mas por ser um livro de bolso a fonte das letras são bem pequenas dificultando um pouco a leitura.
       No geral a histórias é ótima e para quem gosta e é fã dos romances de banca assim como eu, Audácia é um livro que não pode faltar em sua estante.
                             

TOP 10: Os livros que me arrancaram lágrimas!


          Já parou para pensar no poder que a leitura tem de mexer com as nossas emoções? 
       Ela nos faz rir, gargalhar, em alguns momentos nos faz sentir uma raiva assassina, em outros nos deixa com um nó na garganta em que você precisa fazer uma pausa na leitura até recuperar-se para só então poder continuar. E há aquelas vezes em ela faz você derramar lágrimas sem conseguir controlar-se.
       Existe aqueles livros que acho necessário ler acompanhado de uma caixa de lenços para o caso de ter que enxugar a enxurrada de lágrimas que com certeza derramarei. 
     Dentre esses livros estão os de Nicholas Sparks; esse é um autor que me faz chorar como um bebê, é sempre perigoso para mim ler um livro dele perto de outra pessoa, além de ser constrangedor chorar por nenhum motivo aparente ainda corro o risco de ser chamada de louca, por isso nunca leio um livro do Sparks em um ônibus por exemplo.
      Entretanto, mesmo que certos livros me façam parecer uma manteiga derretida ainda assim eu não exito em lê-los. Gosto quando um livro desperta emoções e diferentes reações em mim, isso significa que a história me tocou de alguma forma e por isso eu serei capaz de lembrá-la sempre.
     Assim, o TOP 10 de hoje tem como tema Os livros que me arrancaram lágrimas!    
       São aqueles livros que mais me emocionaram e fizeram com que eu derramasse algumas lágrimas, sem mais demora vamos à minha lista:




  10. Um Homem de Sorte


A história de Logan Thibault é linda e a forma como ele se apaixona pela Beth é de arrancar suspiros. O livro não é tão  dramático quantos os outros desse autor, mas tem sim momentos de muita emoção principalmente nos últimos capítulos que foi quando eu fiquei com um nó na garganta e algumas lágrimas nos olhos.










         9. O céu está em todo lugar
    
       Esse livro é realmente emocionante e todo o sofrimento pelo qual Lennie passa é muito real e durante a leitura fiquei me imaginando no lugar dela e tendo que suportar toda aquela situação complicada e difícil. 










       8. Bela Maldade

  Esse foi um dos livros que eu não podia ler perto de outras pessoas, era constrangedor chorar como um bebê :D . O sofrimento de Katherine era insuportável para mim. Nunca vi uma personagem sofrer tanto, ela sofre mais do que protagonista de novela mexicana. Precisei parar várias vezes a leitura para poder respirar e sair daquele ambiente mórbido e melancólico que é cenário da história desse livro.








               7.  A Última Música

   Ronnie é uma das personagens mais legais que eu já li; ela é forte, determinada e o que me fez amar esse livro foi o fato de a história ser um lindo exemplo de perdão, crescimento pessoal e amadurecimento. Os momentos mais marcantes e emocionantes é entre Ronnie e seu pai, a maneira como eles superam os problemas e conflitos que dificultam seu relacionamento é cativante.








         6. A Cabana


Já faz algum tempo que li esse livro, mas nunca esqueci a linda mensagem que essa história nos passa. A tragédia vivida por Mack é capaz de enlouquecer e abalar a fé de qualquer pessoa. A Cabana conta uma história impactante e capaz de tocar fundo o coração do leitor.














            5. A Hospedeira
  
           Eu tinha muita resistência a esse livro e por isso demorei muito para decidir lê-lo, mas quando li me apaixonei pela história de Peregrina; ela nos faz pensar em muitas coisas e rever alguns conceitos importantes. Tudo que essa personagem suporta sem revidar em momento algum me fazia querer gritar durante a leitura, as emoções que Peregrina transmite ao leitor são intensas.








    4. A menina que roubava livros
   
  A história de Liesel é impressionante e tocante ao mesmo tempo. Ela é uma garota que passa por maus momentos na vida, vive em uma época difícil na Alemanha nazista, mas encontra conforto nos livros e nas pessoas que ama; o amor infantil e inocente traz mais emoção à história.












    3. Diário de uma Paixão
        
           Foi com esse livro que conheci os romances de Nicholas Sparks e descobri que para ler seus livros futuramente precisaria ter uma caixa de lenços do lado. Noah e Allie me fizeram chorar litros de lágrimas, a história é pura emoção e eu não conseguia controlar a vontade de chorar. 








      2. Cruzando o Caminho do Sol


  Esse livro tem uma história bem forte e desperta sentimentos de revolta e nos emociona por tudo que as irmãs precisam suportar, a tragédia que destrói a vida das duas e todo o sofrimento e abuso pelo qual são obrigadas a passar. Em vários momentos senti vontade de entrar na história  e salvá-las daquele inferno.












       1. Para Sempre

          E o primeiro lugar desse Top 10 é dessa história que me emocionou e me impressionou intensamente. É uma história linda de superação e recomeço que coloca o leitor para refletir. A mensagem passada pelo livro é forte e que podemos levar para a vida. 












      E vocês quais foram os livros que lhe arrancaram lágrimas?


                                        

POR DENTRO DAS NOVIDADES!


       Olá Galera!
     Me desculpem por ter sumido do blog esses dias, mas é que estou em tempos de provas na faculdade e as minhas leituras andam um pouco lentas por isso. 
       Mas hoje eu vim mostrar para vocês as novidades que estão pipocando por aí e que com certeza vão nos levar à falência mais um vez (eu não fico nenhum pouquinho triste com isso! :S) Tem novidades super legais e alguns livros que eu estou louca para ler; é tanta coisa boa que fica até difícil decidir qual levar para casa. Então vamos logo ao nosso cardápio literário do mês:




      Lançamentos Novo Conceito:  
   
                            A   Filha da minha mãe e eu    
         
      A filha da minha mãe e eu conta a história do difícil relacionamento entre Helena e sua filha, Mariana. A história começa quando Mariana descobre que está grávida e se dá conta de que, antes de se tornar mãe, é preciso rever seu papel como filha, tentar compreender o de Helena e, principalmente, perdoar a ambas. Inicia-se, então, uma revisão do passado – processo doloroso, mas imensamente revelador, pautado por situações comoventes, personagens complexos e pequenas verdades que contêm a história de cada um.




                            A escolha
Travis Parker possui tudo o que um homem poderia ter: a profissão que desejava, amigos leais, e uma linda casa beira-mar na pequena cidade de Beaufort, Carolina do Norte. Com uma vida boa, seus relacionamentos amorosos são apenas passageiros e para ele, isso é o suficiente. Até o dia em que sua nova vizinha, Gabby, aparece na porta.
Apesar de suas tentativas de ser gentil, a ruiva atraente parece ter raiva dele. Ainda sim, Travis não consegue evitar se engraçar com Gabby e seus esforços persistentes o levam a uma jornada que ninguém poderia prever.





                      Garotas de Vidro


Lia e Cassie são amigas há anos, ambas congeladas em seus corpos. No entanto, em uma manhã, Lia acorda com a notícia de que Cassie está morta, e as circunstâncias de sua morte ainda são um mistério. Não bastasse isso, Cassie tentara falar com Lia momentos antes, para pedir ajuda. 

Lia tem de lidar com o pai, que é um renomado escritor, sua madrasta e a mãe, uma cardiologista que vive ocupada, salvando a vida dos outros. Contudo, seu maior tormento é a voz dentro de si mesma, que não a deixa se esquecer de manter o controle, continuar forte e perder mais, sempre perder mais, e pesar menos. Bem menos.




          Outros lançamentos:


               Resgate do Tigre
   Kelsey Hayes nunca imaginou que seus 18 anos lhe reservassem experiências tão loucas. Além de lutar contra macacos d’água imortais e se embrenhar pelas selvas indianas, ela se apaixonou por Ren, um príncipe indiano amaldiçoado que já viveu 300 anos. Agora que ameaças terríveis obrigam Kelsey a encarar uma nova busca – dessa vez com Kishan, o irmão bad boy de Ren –, a dupla improvável começa a questionar seu destino. A vida de Ren está por um fio, assim como a verdade no coração de Kelsey.

         
                    Ruas Estranhas
   Ruas estranhas é uma coleção de 16 histórias fantásticas urbanas onde os editores George R. R. Martin e Gardner Dozois reúnem grandes nomes da literatura como Charlaine Harris da série True Blood, Conn Iggulden, Glen Cook, Patricia Briggs, Diana Gabaldon e outros autores de destaque. 
 Nessas histórias nascidas da imaginação de escritores vencedores dos prêmios mais importantes do gênero, eles exploram mundos de vampiros sedutores, lobisomens assustadores, espíritos que ajudam humanos a solucionar mistérios, demônios, zumbis e outras criaturas que habitam nossos pesadelos. 

                           Diários do Vampiro: O Retorno-Meia Noite
Elena conseguiu resgatar Stefan da terrível prisão em que ele se encontrava, mas de volta à Fell´s Church, ele está tão enfraquecido que mesmo o poderoso sangue da amada parece incapaz de devolver suas forças. Já Damon é alvo de uma magia muito poderosa, que o transforma em humano. Disposto a tudo para recuperar seu antigo poder, ele não hesita em enganar os amigos para conseguir o que quer, e nada vai impedi-lo de voltar à Dimensão das Trevas. Enquanto isso, o plano dos demônios kitsune enfim chega ao seu ápice e parece impossível conter o avanço da Última Meia-Noite. 


    Eu amei os lançamentos do mês. Não sei a de vocês, mas a minha lista de compras está enorme e pelo jeito vai crescer ainda mais! :)
                           


   


CRUZANDO O CAMINHO DO SOL.





   Autor: Corban Addison
   Editora:Novo Conceito
   Páginas:447
   




         Sita e Ahalya são duas garotas indianas criadas com todo o amor, cuidado e carinho que uma família bem constituída e estruturada pode proporcionar. Vivem confortavelmente em um bangalô perto da praia ao sul de Chennai com seus pais Neresh e Ambini, sua avó Naani e Jaya uma empregada que trabalha a muito tempo na casa da família.
        Sonhos e planos para o futuro não faltavam nas vidas dessas garotas, mas tudo muda definitivamente quando um tsunami atingi a cidade onde elas moram destruindo sua casa e dizimando sua família. 
        Agora, que são órfãs e estão completamente sozinhas precisam encontrar uma maneira de se manterem vivas e a única forma de conseguir isso era chegar até o Colégio St. Mary onde estudavam.
        Por isso elas deixam para trás seu lar destruído pela tragédia para se aventurar nas estradas em busca de ajuda, entretanto o caminho pode ser bastante perigoso para duas garotas tão jovens e desprotegidas, assim elas caem nas mãos de traficantes de mulheres.
        A vida que elas conheciam antes deixou de existir e agora que fazem parte do submundo do tráfico sexual  parece não haver saída e nem salvação para as duas...
       Nos Estados Unidos, conhecemos Thomas Clarke um advogado que possui grandes ambições para sua carreira, mas que está enfrentando problemas tanto profissionais como pessoais. Depois que sua esposa o abandona ele decide aceitar o conselho de seu chefe e ir trabalhar um tempo na Índia em uma ONG chamada Aces (Aliança contra a Exploração Sexual).
      E quanto mais Thomas se envolve no mundo sórdido e com toda a corrupção que permeia o tráfico sexual, ele revolta-se mais com a impunidade e a ausência total de rigor no cumprimento das leis.
      Thomas decide dedicar-se a luta contra a exploração sexual mergulhando fundo nessa causa. E os caminhos e as vidas de Thomas, Sita e Ahalya irão se cruzar e entrelaçar-se de uma forma que o advogado se lançará em uma caçada desenfreada para resgatar e livrar as duas garotas de um destino massacrante.
       Será tarde demais para Sita e Ahalya? Thomas Conseguirá reconquistar a esposa e superar as mágoas do passado? O futuro ainda reserva alguma luz na vida dos três?
         Ache as respostas lendo Cruzando o Caminho do Sol!


  O mundo podia roubar sua liberdade; podia acabar com a sua inocência; podia destruir sua família e arrastá-las por caminhos para além de seu entendimento. Mas não podia privá-las de sua memória. Apenas o tempo tem esse poder, e Sita iria resistir a todo custo.    O passado era tudo o que restava para ela."                     pág.299




    O que dizer de uma leitura que te deixa abismada do começo até o fim? Que te deixa muda e receosa de virar as páginas torcendo para que nada realmente pavoroso aconteça e ao mesmo tempo desejando devorar o maior número de páginas possível querendo saber o que acontecerá em seguida?
   Às vezes eu fico abismada com a capacidade que alguns autores têm de levar as nossas emoções a extremos, e de nos deixar atordoados durante uma leitura.
   Corban Addison provocou tudo isso em mim com Cruzando o Caminho do Sol; depois que conclui a leitura fiquei um bom tempo refletindo como colocaria em palavras tudo aquilo que senti ao ler o livro.
   A história tão engenhosamente criada pelo autor é uma ficção pautada na realidade vivida por milhares de mulheres e crianças vitimas da exploração e do tráfico sexual.
    Esse foi o primeiro livro em que eu não me prendi ao romance da história, a minha atenção estava totalmente centrada nos conflitos envolvendo Sita e Ahalya.
    A narrativa é angustiante e dolorosa, mas apesar disso é ágil e faz com que o leitor fique ávido e ansioso pelo desenrolar dos acontecimentos. O autor ressalta o quanto o ser humano pode ser cruel, perverso e cego de ganância tornando-se insensível ao sofrimento do próximo. E com sua escrita clara, precisa e o seu cuidado na elaboração das cenas que descrevem as violências sofridas pelas garotas, Corban Addison faz com que o choque de realidade tenha um impacto bem mais suportável para o leitor; a exploração sexual, o tráfico de seres humanos, a pedofilia, a escravidão do trabalho são temas bastante perturbadores.
     O livro é dividido em quatro partes, com capítulos narrados em terceira pessoa e intercalados onde o foco ora é centrado em Sita e Ahalya ora é centrado em Thomas. A diagramação é bem elaborada com desenhos sombreados de rosas e onde os capítulos sempre se iniciam com uma frase de algum poeta ou escritor famoso e que estão relacionadas com os acontecimentos de cada capítulo do livro.
      Cruzando o Caminho do Sol nos passa uma mensagem de alerta e nos faz lembrar que apesar de bem camuflada a problemática discutida pelo autor envolve as variadas camadas da sociedade e está mais presente do imaginamos. Realmente uma leitura indispensável.


           



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© FASCINADA POR HISTÓRIAS - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo